Igreja de Nossa Senhora do Rosário de Fátima, São Paulo (SP)

Inicialmente instalado no Mosteiro de São Bento em 1908, o órgão da Igreja de Nossa Senhora do Rosário de Fátima, em São Paulo (SP), foi fabricado pela Casa Gebrüder Späth, da Alemanha. Sofrendo várias ampliações, encontra-se na Igreja desde 1956. Possui 32 registros reais, 3 teclados manuais e pedaleira, com aproximadamente 2.500 tubos. Quando da sua instalação em Fátima, recebeu o atual console elétrico, com 3 manuais, da Casa Walcker.

Dados Gerais

  • Instalação: Igreja Nossa Senhora do Rosário de Fátima – Av. Dr. Arnaldo, 1.831, Sumaré, São Paulo (SP)
  • Construção: Gebrüder Späth, Alemanha, 1908
  • Reformas/restaurações:
  • Características (2002):
    • 3 manuais e pedaleira
    • 32 registros
    • Tração elétrica

Registros

instrumentos:nossa-senhora-rosario-fatima-sp-3-1.jpg
 Fachada do órgão (1)

O instrumento conta com os seguintes registros (2), (3):

  • I Manual
    • Bordão 16’
    • Principal 16’
    • Salicional 8’
    • Flauta 8’
    • Trombeta 8’
    • Oitava 4’
    • Flauta 4’
    • Quinta 2 ⅔ ’
    • Picolo 2’
    • Mixtura 4 filas
       
    • I Super
    • II/I
    • II/I Super
    • II/I Sub
    • III/I
    • III/I Super
    • III/I Sub
  • II Manual
    • Flauta 8’
    • Bordão 8’
    • Viola 8’
    • Voz Celeste 8’
    • Trombeta 8’
    • Voz Humana 8’
    • Cornamussa 4’
    • Nazardo 2 ⅔ ’
    • Flautim 2’
    • Terça 1 ⅗ ’
       
    • II Super
    • III/II
    • III/II Super
    • III/II Sub
    • Trêmulo
  • III Manual
    • Principal 8’
    • Flauta 8’
    • Clarineta 8’
    • Fugara 4’
    • Principal 2’
    • Sesquialtera 2 filas
       
    • Trêmulo
  • Pedal
    • Contra Baixo 16’
    • Violone 16’
    • Subaixo 16’
    • Posaune 16’
    • Principal 8’
    • Baixo Coral 4’
       
    • I/Ped.
    • II/Ped.
    • III/Ped.
    • I/Ped. Super
    • II/Ped. Super

Disposição

Os registros do instrumento podem ser dispostos, por família, da seguinte forma (4):

Famílias:
  principais ○     flautas ○     cordas ○     misturas/mutações ○     palhetas ○  

1 6           8            4'            2            1            M i s t u r a s                          
2 1
Manual II
(? teclas)
  Sesquialtera 2 f.
 
  Fugara 4’
 
  Clarineta 8’
 
  Flauta 8’
 
  Principal 2’
  Principal 8’
Manual II
(? teclas)
  Terça 1 ⅗’
  Nazardo 2 ⅔’
 
  Cornamussa 4’
  Voz Humana 8’
  Trombeta 8’
 
  Voz Celeste 8’
  Viola 8’
 
  Bordão 8’
  Flautim 2’
  Flauta 8’
Manual I
(? teclas)
  Mixtura 4 f.
  Quinta 2 ⅔’
 
  Trombeta 8’
 
  Salicional 8’
 
  Picolo 2’
  Flauta 4’
  Flauta 8’
  Bordão 16’
 
  Oitava 4’
  Principal 16’
Pedal
(? teclas)
Posaune 16’
 
Violone 16’
 
Subaixo 16’
 
  Baixo Coral 4’
  Principal 8’
Contra Baixo 16’

Fotos

Clique nas imagens para ampliá-las:

instrumentos:nossa-senhora-rosario-fatima-sp-1.jpg
 Vista externa da Igreja (5)

instrumentos:nossa-senhora-rosario-fatima-sp-2-3.jpg
 Fachada do órgão (5)

instrumentos:nossa-senhora-rosario-fatima-sp-3.jpg
 Fachada do órgão (1)

Panorâmicas

nossa-senhora-rosario-fatima-sp-pano.jpg
 Vista externa da Igreja (6)

Textos

O órgão (1)

Fabricado na Alemanha com o sistema de tração pneumática pela fabrica Späth, em 1908, e instalado no mosteiro São Bento em São Paulo.

Em 1956 foi transferido para o Santuário Nossa Senhora do Rosário de Fátima, restaurado e ampliado com uma nova console Walcker, pelo organeiro Reiner Michels.

Em 2006, depois de 10 anos sem condições de uso, foi contratada a firma família Artesã Rigatto e Filhos para os trabalhos. Foi iniciada uma grande restauração e ampliação do instrumento, patrocinada pelo Banco Votorantin.

O móvel interno, os foles e as janelas de expressão que se encontravam atacados pelo cupim foram totalmente refeitos.

Diversos someiros novos, algumas tampas de someiros e suportes de tubos foram refeitas com madeira de lei, bem como os tubos restaurados e diversos fabricados. As válvulas dos tubos e os solenoides foram substituídos.

A console foi refeita: painel com tabletes reversíveis, botões para a chamada das combinações ajustáveis (memória com combinações) adaptação de um sistema digital moderno, que utiliza uma central no interior da console e outra no órgão, obtendo a vantagem de ter mais de 2.500 combinações ajustáveis, 12 transpositores, conexão para computador onde se pode programar todo o sistema, escrever partituras, gravar e reproduzir da memória interna através de porta USB.

Os organeiros irmãos Márcio e Daniel Rigatto fizeram um curso de especialização na conceituada fabrica de órgãos Fratelli Ruffati de Padova – Itália. Realizaram diversos trabalhos na Itália, Coréia, Japão, nos Estados Unidos (cerca de 10) e no Brasil (Recife, Rio de Janeiro, Valença, Joinville e São Paulo).

Saiba mais

Referências e notas

2. Dorotéa Kerr, «Catálogo de órgãos da cidade de São Paulo», São Paulo, Annablume, 2001, p. 261–264.
3. II Festival Internacional São Bento de órgão, «Programação», 1995.
4. Carlos Nascimento, fev. 2015.
5. Carlos Nascimento, 2001.
6. Carlos Nascimento, 2014.

(em nosso projeto este órgão está na ETAPA 3)

Navegação

página inicial

participe do projeto

contato

Órgãos

lista geral (completa)


listagem:

    ◇ por construtor

    ◇ por lugar

    ◇ por período

    ◇ por características


mapa dos instrumentos


estatísticas
(órgãos em números)

Harmônios

Descubra mais

textos

glossário

sugestões de leitura